Dubai

Os Transformadores do Dubai

As histórias de sucesso no Dubai refletem uma longa tradição de empresários que capitalizaram com novas fontes de crescimento económico em construção, educação e bens de consumo


Durante mais de 50 anos a prosperidade crescente do Dubai contou com a capacidade dos empresários do emirado de aproveitar as oportunidades oferecidas pelo crescimento económico.

Apesar da transformação dramática do Dubai no decorrer desse meio século, o equilíbrio entre crescimento e oportunidade não se alterou.

Gozando do seu estatuto de maior foco comercial e financeiro, o Dubai atrai investimento estrangeiro e pessoas com competência para o negócio que valorizam a sua localização, infraestrutura, conetividade de tecnologia de informação e comunicação e Zonas Francas.

Quando muito, a  estrutura económica diversificada do Dubai oferece agora oportunidades que melhor refletem a forma como a economia digital está a mudar os negócios.

Dois empresários americanos, Sim Whatley e J.C. Butler, fundaram o Dubizzle.com, o maior site online de anúncios classificados do Médio Oriente, no Dubai.

Ao visitar o emirado em 2005, estes empresários repararam que existia procura por uma plataforma de anúncios classificados e a Dubizzle, fundada em 2007, encontra-se agora presente em 14 mercados por todo o Médio Oriente.

Outro exemplo é o Jabbar Internet Group, os criadores da maior plataforma de e-commerce do Médio Oriente, a Souq.com. O Jabbar também se estabeleceu na Dubai Internet City, onde investe em novas empresas de tecnologia tais como a BKAM?, a Sukar e a vyu.

Novo crescimento através de inovação e tecnologia é outra adição à lista de oportunidades criadas pela economia do Dubai — e têm havido muitas ao longo dos anos.

À medida que, nos meados dos anos 70, a riqueza do petróleo começou a infiltrar-se por todo o Dubai e os expatriados afluíram à cidade para a construir, a procura por bens de consumo, alojamento e educação começou a aumentar; e os empresários reagiram.

Instalada no Dubai, a GEMS Education foi fundada pelo empresário Sunny Varkey e é hoje em dia uma das maiores fornecedoras de escolas do mundo.

Varkey apercebeu-se que as famílias dos expatriados no Dubai, originárias da Índia e Grã-Bretanha, queriam educar os seus filhos em escolas de língua inglesa e reagiu adequadamente a essa procura.

O aumento do rendimento disponível também criou outras oportunidades no que diz respeito aos bens de consumo.

A Jumbo Electronics, fundada em 1974 no Dubai pelo empresário Manohar Chabbria, assegurou direitos exclusivos de distribuição de produtos da Sony no Golfo e estabeleceu-se no caminho para fornecer as casas do Dubai com artigos modernos de consumidor.

A Chabbria transformou a sua empresa num gigante de retalho de eletrónica e mais tarde num conglomerado transnacional no valor de US$2,5 mil milhões, conhecido como o Grupo Jumbo.

Outra empresa de consumidor que detetou uma oportunidade estratégica num Dubai em crescimento foi o retalhista de topo Jashanmal. Fundado no Iraque em 1919, o sucesso de Jashanmal beneficiou da propagação da riqueza do petróleo ao longo do Médio Oriente, segundo Tony Jashanmal, o diretor do grupo da empresa.

Abriu no Dubai em 1956 e tem agora sede no emirado.

Hoje em dia a Jashanmal tem mais de 150 lojas no Médio Oriente fornecendo roupas, sapatos, bagagens, livros e outros bens de consumidor.

Da mesma forma, e à medida que os arranha-céus e projetos de infraestrutura estavam a ser desenvolvidos no Dubai, uma nova classe de empresários beneficiava da paisagem urbana.

A gigante imobiliária Emaar é hoje em dia uma empresa cotada na bolsa e expandiu-se para a África, a Ásia, a América do Norte e o Médio Oriente.

A Emaar desenvolveu o Burj Khalifa e o Dubai Mall, assim como outros marcos imobiliários bem conhecidos no Dubai, tais como a Marina do Dubai.

Fundada em 1997 por Mohammed Alabar, a Emaar está a desenvolver a primeira Casa de Ópera do Dubai e também a expandir-se em mercados internacionais.

Outro exemplo é o Grupo Al Habtoor, um conglomerado do Dubai envolvido em construção, hotéis, engenharia, automóveis e educação, que foi fundado em 1970 pelo seu diretor, Khalaf Al Habtoor.

Estas histórias de sucesso de uma fase inicial de desenvolvimeto refletem futuras possibilidades, especialmente em tecnologia digital.

A combinação única de localização, incentivos de Zona Franca, política estratégica de inovação e prosperidade geral do Dubai irão continuar a inspirar empresários a levar o seu negócio até ao próximo nível tecnológico.

Também é capaz de gostar
Miracle Garden Parques
Testemunhe um Milagre
Beleza Florescente no Miracle Garden
Clube de Golfe dos Emirados Golfe
Passe algum tempo a jogar golfe
Jogue no Emirates Golf Club
Qbara Restaurant, Lounge & Bar Uma nova tendência alimentar
Sabores do Magreb
Refeição arabesca no At Qbara Lounge
Souk Madinat Souks no Dubai
Compras à Moda Árabe
Experimente o Souk Madinat
Ibn Battuta Mall Centros comerciais
Faça uma Viagem de Compras
Viaje pelo Centro Comercial Ibn Battuta